A. C.

Apr 17, 2019

1 min read

3ª idade

“Você tem alma de velho.”

Um dia disseram.

E repetiram de novo e de novo.

Mas minha alma idosa e que pensava demais sofria muito.

Também era solitária.

Não que ela era sempre triste, isso ela nunca foi. Era só a melancolia.

Porém, ela me ensinava muitas coisas. A desenhar, dançar, escrever, cozinhar, montar pequenas criaturas com dobras de papel, ler um livro de cerâmica em uma aula de Direito…

A tristeza veio quando eu prendi essa parte de mim numa esquina qualquer dentro da minha mente para esquecer quem eu era.

Ainda bem que a bendita não desistiu, fugiu da prisão, achou o caminho de volta, mais o bônus de um belo tapa na minha cara.

E a velha dentro de mim ensinou a nova o que é ser.

Ainda não sabemos.

Talvez nunca encontremos.

Mas, pelo menos, não empurrarei a vida sem a alma que tenho.

Eu sou a pessoa do outro lado do espelho.

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.